Por dentro do Arco de Wellington

By Renato
Wellington Arch
Apsley WayLondon - London (Inglaterra) (W1J 7JZ)
Telefone: 0370 333 1181
Preço: $
Horário:
mo-su: 10:00 - 16:00
Wellington Arch

O Arco de Wellington fica no coração Real de Londres o a sul do Hyde Park, e próximo ao Hard Rock Cafe. Ele foi construído entre 1825  e 1827 para ser a entrada principal do Palácio de Buckingham. Construido com a espetacular e pesada pedra Portland esculpido com entalhados Corinthian e pilares estilo Greco-Romana.

O Arco recebeu este nome, depois que o Rei Wellington derrotou o Napoleão Bonaparte.

Apenas em 1880 o Arco foi colocado na posição atual e  em 1912 foi colocado sobre o Arco, a quadriga (four-horse chariot), a maior escultura de bronze da Europa. Visite a parte interna deste marco espetacular e deleite-se nos gloriosos panoramas de Londres. Descubra os Parques Reais e observe a Cavalaria Doméstica a caminho da Troca da Guarda.

O arco tem uma abertura única  ampla, ladeada por pilares maciços e abre para frente e para trás com a abertura central flanqueada por pares de colunas coríntias, bem em frente, e há pilastras coríntias nos cantos e nas elevações laterais.

A Quadrilha

A idéia era decorar os arcos com relevos e esculturas  dos arcos triunfais romanos, mas devido à falta de fundos, foi deixado sem adornos.

Em 1838, foi decidido que o primeiro duque de Wellington seria honrado com uma grande estátua que seria colocada no topo do arco. Daí o nome atual do arco.

No entanto, a estátua equestre – projetada por Matthew Coates Wyatt e colocada no arco em 1846 – foi fortemente criticada; Considerou-se muito grande em proporção ao arco e a rainha teria dito que era uma monstruosidade. Em 1883, a estátua de nove metros de altura foi removida do arco e depois transportada para Aldershot, onde está hoje.

Lorde Michelham, de Hellingly, um rico banqueiro, propôs financiar uma nova escultura para substituir a estátua de Wellesley. Desenhado por Adrian Jones, esta escultura em homenagem ao rei Eduardo VII é a que vemos hoje: um enorme grupo de esculturas de bronze que retrata o anjo da paz que desce na carruagem de guerra, puxado por quatro cavalos e liderado por um menino pequeno. O filho mais velho de lorde Michelham, Herman Stern, agiu como modelo para o menino.

Por dentro do arco Wellington

Pouca gente sabe  mas o Wellington Arch é oco por dentro, talvez você pensaria que a estrutura gigantesca era apenas um bloco gigante de pedra, mas, como a maioria das coisas em Londres, é cheia de surpresas.

Até 1992, abrigou a  menor delegacia de polícia em Londres. Atualmente, possui um museu de três andares que educa os visitantes sobre a história do arco  incluindo todos os momentos cruciais de Waterloo e da Batalha da Paz. A exposição permanente sobre os primórdios dos arcos é muito interessante, assim como uma visita à pequena mas charmosa galeria Quadriga que explora os grandes solilóquios e patrimônios do Reino Unido.

Há também uma linda varanda que permite contemplar todas as  boas vistas  próximos ao Arco. e são alguns dos mais originais em Londres. Da esquerda para a direita, você terá  a exuberante e grandiosa expansão do Hyde Park, Apsley House (onde o Duque de Wellington viveu), Piccadilly e até mesmo no imenso jardim de Sua Majestade.

A Parte interna do Arco pode ser visitada todos os dias das 10h da manhão até  15h30, e custa £5.40 para adultos e £3.20 para crianças. Agende sua visita e saiba todos os detalhes no site do Arco.

Renato

Viajar é conhecer lugares diferentes. Nossa proposta não é apenas viajar para os locais, é ir além. É passar um período maior, interagir com as pessoas da cidade e sentir a cultura e o dia a dia de cada local. Da lista de países que conheci, optei por morar em alguns lugares para vivenciar a experiência com mais profundidade e poder compartilhar com mais detalhes e exatidão além de descobrir os segredos de cada local, não se limitando aos pontos turísticos mais famosos.

2 thoughts on “Por dentro do Arco de Wellington

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.